Arquivo do mês: julho 2014

A arte de viver

Vive-a-vida-intensamente

Novamente escrevendo, revivendo e trazendo à tona o melhor que há em mim.

Amo a arte em suas diversas facetas, em qualquer formato em que seja.

Há arte para todos os gostos e idades, seja em forma de desenho, de poesia, seja o simples prazer em contemplar uma bela melodia, seja ao acordar e contemplar a vida, seja ao dormir ao som da lua, seja executando de forma arteira ou meramente contemplando, simplesmente seja…

O mundo precisa de amantes da arte, quem sabe assim torne-se mais leve e quem sabe mais colorido. A arte nos faz viver, preenche nosso ser, viver é uma arte.

Imagino como foi o Criador dando as primeiras pinceladas no mundo, escolhendo cada detalhe, cada som, cada letra, cada paisagem e dando vida a cada tintilar do encontro de suas mãos e a obra sendo criada.

Sim, posso imaginar como foi, tenho o direito de imaginar de acordo com aquilo que creio, que sonho, aliás, diga-se de passagem, a vida tem a cor dos nossos sonhos. E que cor tem seus sonhos?

Simplesmente seja o melhor que você puder ser, viva, cante, ame, contemple mais, escreva mais, agradeça e engrandeça o Dono da vida.

Faça de sua vida uma obra de arte gostosa de ser apreciada, não importa se nas entrelinhas ou em sua maneira sorrateira de viver, apenas viva, seja.

 

1 comentário

Arquivado em Uncategorized

Basta cada dia o seu mal

menina

 

Escrever me faz um bem enorme e é por esse e mais outros mil motivos que apesar da luta diária, correria do dia-a-dia eu sempre retorno por aqui. Escrever é como esvaziar o pensamento, é extravasar a alma e atravessar outras dimensões, viajando em seu mais íntimo ser.

Sinto-me exaurida diante de tantos afazeres e tão pouco tempo pra tudo. Os deveres de casa e fora dele só aumentam. As vezes tudo o que eu queria era ficar no silêncio do meu pensamento, ou melhor dizendo, com meu pensamento em silêncio.Tudo o que eu não queria era ficar no silêncio barulhento.

Não sabemos o que nos trará a luz do dia, mas podemos confiar no que diz o mais sábio dos livros, dito pelo homem que nos permite estar aqui hoje, Jesus: “Não vos inquieteis, pois, pelo dia de amanhã, porque o dia de amanhã cuidará de si mesmo. Basta a cada dia o seu mal.” (Mateus 6:34).

Dizer que é simples praticar tais palavras seria hipocrisia, ainda mais para uma pessoa ansiosa como a que escreve nesse momento, mas Ele não disse que seria fácil e sim que nos ajudaria. Lição que deve ser praticada diariamente, ainda que tudo pareça distante, ainda que tudo pareça contrário e que a vida nos aperte o peito e tudo nos leve a pensar que não tem mais jeito, ainda assim, devo olhar para os passarinhos que não semeiam, nem segam e nem ajuntam em celeiros e o Pai Celestial as alimenta, sustenta, provendo todas as necessidades diárias. As vezes tudo o que nos falta é a fé. Mas vamos olhar para todos os exemplos que nos cercam e ver nas mais alvas nuvens o sol surgindo detrás delas e se não surgir, saber que após a chuva surge o arco-íris.

Ao que tudo pode, tudo sabe e tudo vê, elevo os meus olhos e peço sabedoria para caminhar, paz ao coração e silêncio para o pensamento.

 

Graça e paz!

L.

.

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized